Construindo um solo fértil: transformando o lixo orgânico em um adubo super nutritivo

lixo orgânico

Quem está familiarizado com o trabalho com a terra sabe que o segredo para um belo jardim ou para uma horta repleta de alimentos de qualidade está no solo. Um solo saudável é a principal fonte de nutrientes para que as plantas se desenvolvam plenamente e com raízes fortes. Ele é, portanto, tão importante quando a luz do sol e a água. Sendo assim, como podemos construir um solo fértil, que forneça tudo o que o nosso jardim precisa para ficar do jeitinho que desejamos? E se te disséssemos que a resposta pode estar no seu lixo orgânico?

Isso mesmo, os restos de alimento que acabam indo para o lixo diariamente na cozinha da sua casa! Não entendeu? Esses alimentos um dia foram gerados pelo solo, e quando manejados do jeito certo, podem se transformar em um adubo de qualidade imensa, capaz de enriquecer a terra, ou mesmo devolver os nutrientes de um solo empobrecido!

Como o lixo orgânico é transformado em adubo?

Uma das maneiras mais fáceis de deixar o solo nutritivo é produzindo adubo orgânico. A produção do adubo começa a partir da reunião de uma pilha bem diversificada de resíduos. Isto é, nós juntamos o lixo orgânico, e por vezes resíduos retirados do próprio jardim, em um local adequado para que ele possa passar pelo processo natural de decomposição de maneira controlada.

Esse processo se dá mais comumente através da compostagem, que compreende tradicionalmente o uso da composteira, que é formada por três caixas empilhadas, pelas quais podemos armazenar o lixo orgânico,

Com o passar do tempo, esses resíduos se transformam em uma matéria orgânica conhecida como húmus. Ou, em outras palavras: adubo.

Isso acontece em dois estágios: a digestão e a maturação.

Durante a digestão, os microrganismos, dentre eles fungos, actinomicetos e bactérias, realizam o processo de fermentação. Nessa etapa a decomposição ainda não ocorreu totalmente, mas a matéria já está em estado de bioestabilização, no qual o lixo deixa de representar um grande perigo para a natureza.

A seguir, na maturação, a massa atinge o estágio de humificação, que é quando obtemos o húmus. O lixo orgânico deixou, então, há muito de ser lixo, para ser um adubo perfeito para o seu jardim.

Trata-se de um processo que imita o que a natureza já faz normalmente! Mas aqui, evitamos enviar os resíduos para os aterros sanitários e ainda deixamos de desperdiçar comida!

Quer saber mais sobre a composteira e sobre outra maneira de transformar seu lixo orgânico em adubo? Cliquei aqui que nós vamos te contar!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *