Descubra 5 maneiras de dar um destino melhor ao seu lixo orgânico

lixo orgânico

Você sabia que o tipo de lixo produzido em maior quantidade é o orgânico? E que grande parte dele é enviado para aterros sanitários, onde fazem um mal danado para o meio ambiente? Por essa razão é muito importante conhecer que existem muitas outras alternativas ao lixo orgânico do que o simples descarte.

Neste blog, iremos mostrar maneiras bem interessantes e úteis para que os resíduos de comida produzidos na sua casa tenham um destino positivo! Isto é, que faça bem tanto a você quanto à natureza!

1. Reinventando com sobras de alimentos

Antes de mais nada, para dar um destino melhor ao nosso lixo orgânico, precisamos fazer o possível para não comprar e preparar comida em excesso. Mas se você tem algumas sobras de comida e não tem ideia do que fazer, saiba que desperdiçar nunca é a melhor opção. Há sempre outras alternativas. E a primeira delas é, claro, congelar e usar mais tarde. Muitas pessoas já fazem isso. E alimentos como carne cozida, feijão, arroz e mesmo alguns vegetais, permanecem em perfeitas condições, mesmo depois de guardados na geladeira.

Mas se a questão é comer sempre a mesma coisa, não tem nenhum problema. O arroz pode ser usado para fazer bolinhos deliciosos, que você pode rechear com queijo, por exemplo. O frango também é ótimo para incrementar pratos em geral. As sobras de bife podem virar um delicioso picadinho. E as cascas de vegetais podem ser usadas para fazer caldos saborosos e saudáveis!

A internet está cheia de receitas que ensinam como reaproveitar restos de comida da melhor maneira possível! Assim fica fácil transformar um alimento que antes não despertava apetite, em algo bem gostoso.

Fique à vontade para conferir nosso blog com receitas com sobras de alimento! Assim você vai lidar com uma quantidade bem menor de lixo orgânico!

2. Compostagem do lixo orgânico

A compostagem é um método bastante conhecido de reciclagem de lixo orgânico. Trata-se de um processo pelo qual a decomposição dos resíduos é controlada, para que eles se transformem em um produto bem útil. Especialmente se você tem um jardim ou uma horta em casa – ou se está pensando em começar!

O adubo gerado pelo processo da compostagem é super nutritivo e faz com que o alimento retirado da natureza acabe voltando para ela de uma forma bastante positiva!

Existem diversas maneiras de realizar a compostagem do lixo orgânico. A forma mais tradicional é através de uma composteira, feita por três caixas empilhadas, nas quais se coloca lixo orgânico e, mais comumente, minhocas californianas. Essas minhocas transitam pelos recipientes, que são furados, de modo a produzir o adubo.

Caso esteja interessado em descobrir uma alternativa mais prática de realizar a compostagem, basta clicar aqui!

3. Também devemos reaproveitar o óleo de cozinha

O óleo de cozinha é um tipo de lixo orgânico que, infelizmente, não pode fazer parte do processo de compostagem. E tampouco podemos reutilizá-lo infinitamente. Uma hora ou outra precisaremos nos desfazer dele. E estando presente na maioria das casas, ainda que em quantidade pequena, precisamos deixar claro que o óleo não pode ser descartado de qualquer jeito.

Ao invés disso, existem diversas formas de reciclá-lo e transformá-lo em algo útil e que não vá causar danos à natureza. Como com a produção de resina para tintas, de detergente, sabão, combustível, entre muitas outras opções.

Contudo, caso reciclá-lo esteja fora do seu alcance, você também pode (e deve) juntar o óleo em garrafas, que poderão ser entregues no lugar designado da sua cidade!

4. Uso estético

Há também muitas formas de se transformar restos de alimentos em produtos super nutritivos para o cabelo ou para a pele. Um belo exemplo é a farinha feita com casca do ovo. Por ser natural, ela é rica em nutrientes e faz super bem tanto para a pele quanto para o cabelo! O recomendado é que as cascas de ovo sejam colocadas no liquidificador. E, a partir da farinha criada, fazer máscaras hidratantes maravilhosas.

5. Uso prático

Além do adubo, também podemos criar uma série de outros produtos que podem ser bem convenientes para o uso doméstico.

As cascas de frutas, por exemplo, podem ser usadas para fazer com que alguns alimentos, como o açúcar mascavo, tenham uma maior durabilidade. As cascas de limão e laranja, em especial, são ótimas para evitar que o açúcar comece a criar pedrinhas.

E elas são muito úteis também para afastar insetos. Basta deixá-las em alguns pontos da casa ou do quintal que você logo vai notar a diferença!

Mas esses são apenas alguns exemplos. Como já dissemos, a internet está cheia de sugestões fascinantes! Então não deixe de procurar.

Esperamos que tenha gostado e que você consiga colocar algumas ideias em prática!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *